Buscar
  • Luiz Neves França

Vistoria Técnica para Movimentação de Sensíveis

Para realizar a movimentação de um equipamento sensível deve ser realizada uma vistoria técnica para examinar o trajeto a ser percorrido.


Geralmente essa vistoria é feita pelo Líder/Supervisor de Operação, junto com o Técnico de segurança do Trabalho, para uma avaliação completa, buscando qualidade, saúde e segurança na operação.


Na avaliação a Transporte Brasil Integrado (TBI) analisa o local de entrada do equipamento, de parada dos veículos e dos equipamentos de movimentação de carga (guindaste, Plataforma aérea e outros).


Geralmente o local de parada deve suportar o veículo e a carga transportada, possibilitando a continuidade do fluxo de pedestres e veículos.


Nessa avaliação devem ser analisados: postes, fiação, árvores, rampas, e a necessidade de interdição da via junto ao órgão responsável de cada cidade/estado.


Depois dessa primeira analise, será verificada a necessidade no percurso de abertura de partes da construção (paredes, portas, janelas, piso e outros), escoramento em lages e rampas, ou a montagem de estruturas metálicas para sustentação do equipamento sensível.


Após todas essas analises será emitido um relatório e enviado para o cliente informando sobre a complexidade do transporte do equipamento sensível e as necessidades de modificação e adequação para realização da operação de movimentação da carga.


Na TBI acreditamos que atendendo determinações como essas todo o processo é beneficiado.


Desde a segurança que é gerada, até mesmo a agilidade para que a movimentação seja concluída e as atividades do cliente iniciadas.


6 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Controle de fumaça preta nos Veículos

Na busca por um bom transporte, o grupo TBI busca melhorar a cada dia a qualidade dos seus serviços. Uma de nossas preocupações é com relação ao controle de fumaça preta dos veículos. Constantemente c